domingo, 26 de setembro de 2010

AGORA SÓ ME RESTA ...



Agora só me resta”, este é o bordão que cerca todas as histórias que contam sobre sonhos perdidos.

Talvez tenha sido esta a frase que tenha se repetido durante 40 anos na mente de nosso personagem de hoje, Moisés.

Para os que não conhecem a história de Moisés , vou tentar resumi-la em poucas palavras.

Um bebê hebreu nasce em uma época de extermínio dos bebês homens do seu povo, é colocado em um cesto e lançado no rio Nilo por sua mãe, este bebê é encontrado pela filha de Faraó que então o toma pra si e chama sua mãe para ser a “babá” , assim o menino cresceu com todo o conforto, regalia e estudo que o palácio de Faraó poderia lhe proporcionar, e também com toda a instrução que sua “babá” , e também mãe biológica , lhe cedeu.

Com tudo isto Moisés tinha tudo para ser o libertador de seu povo que vivia em escravidão no Egito.

Afinal de contas ele tinha se tornado alguém influente o suficiente para saber lidar tanto com os Egípcios que escravizavam o povo, quanto com os israelitas que eram escravizados.

Certo?

Errado.

Se correr algum tempo na história você não encontrará mais Moisés no castelo, e sim no meio deserto.
Não o encontraremos mais buscando maneiras de cuidar do seu povo, e sim pensando em como cuidar de suas ovelhas.
Não encontraremos mais um Moisés conhecido e reconhecido por todos, e sim um pastor de ovelhas em meio ao deserto que, em meu ponto de vista, não está muito a fim de ser encontrado.

O que pode ter levado nosso “principezinho” a uma vida tão diferente da que ele tinha?

Um erro que Moisés nunca conseguiu esquecer. Ele viu um egípcio batendo num escravo hebreu, perdeu o controle e matou o egípcio.

Poderíamos então pensar que o escravo agradeceria. Não foi bem assim. Em troca Moisés recebeu raiva : “Você vai me matar também?” Exôdo 2:14

Muito além da morte do egípcio, encontrei nesta parte da história uma história comum a quase todos nós.

A história do sonho perdido. A história do que você já pode ter vivido também. A história de grandes esperanças chocando-se com difíceis realidades.

Este choque foi o motivo que levou nosso protagonista a uma vida oculta em meio as ovelhas no deserto. Do palácio para o deserto, do glamour para o anonimato, das melhores universidades para uma fazenda ...

Parece que nem é preciso me esforçar muito para ouvir Moisés dizer: “Agora só me resta” ficar aqui e apascentar ovelhas.

Assim como eu e você ao presenciarmos em nossas vidas este choque entre esperanças e realidades podemos dizer: “ Agora só me resta” ... ficar aqui e chorar, desistir de tudo isto,não tentar mais, esquecer ...

Mas é lá no meio do deserto, quarenta anos mais tarde, que Deus resolve finalmente chamar Moisés para então libertar seu povo. Exôdo 3: 1-6,9-10

E a resposta de Moisés ao chamado é : “Quem sou eu para apresentar-me ao faraó e tirar os israelitas do Egito?” Exôdo 3:11

A meu ver Moisés estava embutindo algumas outras questões dentro desta, questões como:

Por que agora?, Eu já não tentei fazer isto? , Já se passaram 40 anos, Aquele povo não quer ser liberto, Parece-me que as minhas ovelhas são muito mais fáceis de tratar.

A resposta de Deus às muitas questões de Moisés foi resumidamente: EU SOU O QUE SOU Exôdo 3:14 ; ou seja, Eu sou Deus e sei o que faço.

O mesmo Deus que tinha planos pra vida de Moisés é o Deus que disse: “Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos ... “ Isaías 55:8

Talvez eu e você escolheríamos o Moisés jovem, com força, garra, e influência. Mas Deus não.

Com seus 40 anos no deserto Moisés aprendeu a localização de todos os poços possíveis, casou-se e teve sua própria família e com isso teve que aprender a guiá-la em meio ao nada do inabitado, Moisés se conheceu no deserto.

Deus, com seus planos bem mais altos que os nossos, usou o deserto para ser a melhor universidade que Moisés já poderia ter cursado.

E é exatamente isto que o Pai de amor faz conosco.

Enquanto nós dizemos “Agora só me resta” Ele planeja usar nossos desertos como degraus que nos levarão aos planos maiores d’Ele pras nossas vidas.

Deus sempre tem um propósito para todas as coisas querido, e “Estou convencido de que aquele que começou a boa obra em vocês vai completá-la até o dia de Cristo Jesus.” Filipenses 1:6

Deus falou com Moisés através de um arbusto, o que quer dizer que Ele pode muito bem falar com você através de muitos meios. Talvez o meio escolhido por Ele hoje tenha sido este texto.

2 comentários:

D i h disse...

muito bom o fexamento do texto!
muuuuito booom mesmo ..

Deus te abençoe amiga.

Dih ..

Nil França disse...

Oi linda, amei o seu blog. Vizite o meu oq? http://semearatitude.blogspot.com/, me segui aí ok.